Segunda-feira, Novembro 29

RARA MEDIÇÃO METEOROLÓGICA INDICOU VENTO DE 277 KM/H

Medição do vento feita exatamente na localidade em que o furacão Ida tocou terra chamou a atenção dos meteorologistas norte-americanos

Imagem de satélite do momento em que o furacão Ida tocou terra no litoral da Louisiana | DG/Copernicus

Uma rara medição meteorológica na chegada do furacão Ida ao litoral do estado norte-americano da Louisiana chamou a atenção dos meteorologistas porque havia equipamento meteorológico medindo o vento no exato ponto em que o devastador furacão tocou terra.

Um anemômetro (equipamento meteorológico que mede a velocidade do vento) instalado a bordo de uma embarcação atracada mediu vento médio de 239,7 km/h (149 mph) e rajadas de até 276,8 km/h (172 mph).

A medição foi confirmada pelo escritório local do Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos em Nova Orleans como dado preliminar de vento e que terá que ser ainda validado pelos meteorologistas do NWS.

O anemômetro estava instalado a bordo de uma embarcação chamada Seacor Eagle que estava em Port Fouchon, localidade do estado norte-americano da Louisiana em que às 13h55 do domingo (hora de Brasília) o furacão Ida tocou terra. Medições de barcos e navios (sistema SHIP) são usadas diariamente no mundo inteiro pela Meteorologia e os dados são usados para alimentar as inicializações dos modelos meteorológicos de previsão do tempo.

Por que tal medição chamou muito a atenção dos meteorologistas? Normalmente, quando um furacão com a intensidade de Ida toca terra na costa, ou não existem equipamentos de medição de vento no local exato em que a tempestade tocou terra e se existentes costumam deixar de funcionar ou são destruídas pelo vento extremo. Assim, uma medição in-situ do vento no ponto de landfall é muito pouco comum de se observar.

A medição é um fato notável, ademais, porque confirmou exatamente a projeção de intensidade do vento do Centro Nacional de Furacões, feita a partir de dados de sondagens coletadas por aviões, para o momento que Ida tocasse terra no litoral do estado norte-americano da Louisiana. A projeção do National Hurricane Center era de vento sustentado de 150 milhas por hora (241 km/h) e a medição na embarcação acusou vento médio de 239,7 km/h.

Ida foi rebaixada na madrugada desta segunda-feira a uma tempestade tropical e deverá avançar agora pelo interior dos Estados Unidos, passando pelo Vale do Tennessee em direção ao Nordeste norte-americano, passando a uma depressão tropical que deverá trazer muita chuva por onde atuar com mais inundações.

Fonte: Metsul

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *