Sábado, Agosto 15

Palmitinho estima morte de três toneladas de peixes

O município pode decretar situação de emergência nos próximos dias devido à falta de chuvas  

Palmitinho contabilizou a morte de mais uma tonelada de peixes no interior do município na manhã desta quarta-feira (12), em função da falta de oxigênio na água de um açude, consequência do baixo nível do reservatório. O Secretário da Agricultura Renato de Oliveira, relatou que a estiagem está trazendo prejuízos para a agricultura do município e estima que cerca de três toneladas de peixes já tenham morrido em função da seca desde o início da estiagem.

Além da piscicultura através da morte dos peixes, outras culturas como a soja, o milho e as pastagens também foram atingidas e a previsão é que outras cadeias produtivas também sofram prejuízos como a suinocultura, por exemplo. O município vem empregando dois caminhões pipa para abastecer os reservatórios das pocilgas, onde há empreendimentos que ocupam de 30 a 40 mil litros de água por dia.

A situação será debatida nesta sexta-feira (21),em uma reunião do Conselho Agropecuário do município envolvendo lideranças do poder público, empresas, entidades e a comunidade onde a situação de emergência pode ser decretada.

Renato Martins / Dep Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *