Domingo, Setembro 27

Prefeituras da região da Amzop estarão fechadas amanhã

A Associação dos Municípios da Zona da Produção (Amzop) divulgou à imprensa, na manhã de ontem, 23, uma nota em apoio ao movimento dos caminhoneiros, que iniciou na segunda-feira, 21, contra o preço abusivo do combustível. No documento, a entidade, que abrange 43 prefeituras do Estado, afirma que é preciso mudar esta política de preços equivocada que prejudica a vida de todos, principalmente o comércio, indústria, agropecuária e prestação de serviços, o que afeta a rotina de toda a população. O presidente da Amzop, Gilson de Carli, em entrevista ao Departamento de Jornalismo da nossa emissora na manhã de ontem, mostrou sua indignação perante o cenário de preços dos combustíveis que resultou na manifestação dos caminhoneiros de todo o país. Ouça o áudio da entrevista:

A Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) realizou votação com prefeitos de todo o Estado, e por votos da maioria, ficou acertada a paralisação das prefeituras amanhã. O presidente da Famurs, Salmo Dias de Oliveira, em pronunciamento, passou mais detalhes sobre essa votação e também mostrou sua revolta à situação que está causando esses transtornos no país. Confira o que disse o presidente da Famurs:

 

Confira a nota divulgada pela entidade:

“Nota de Apoio ao Movimento Dos Caminhoneiros:

A Associação dos Municípios da Zona da Produção – AMZOP, maior entidade representativa do municipalismo gaúcho, em nome dos seus 43 municípios, em face dos aumentos excessivos dos valores dos combustíveis nos últimos meses e diante dos grandes prejuízos causados ao setor produtivo Gaúcho e Brasileiro, manifesta-se a favor do movimento dos caminhoneiros, pela redução do preço e dos impostos incidentes sobre o óleo diesel.
Como o combustível impacta diretamente nos custos de transporte e de mecanização das atividades rurais, vocação da maioria dos municípios da nossa região, essa elevação tende a aumentar os preços finais dos alimentos, incidindo também no custo da manutenção da frota de máquinas rodoviárias e veículos dos municípios para a prestação de serviços as nossas comunidades.
O diesel é a principal ferramenta, é o carro chefe do progresso brasileiro, e o governo precisa se conscientizar que os derivados do petróleo, especialmente o diesel, são itens de primeira necessidade, uma questão de vanguarda nacional, pois sua elevação constante, afeta o cotidiano dos brasileiros.
É preciso mudar esta política de preços equivocada que prejudica a vida de todos. Considerando que essa luta não é apenas dos caminhoneiros, mas também do comércio, indústria, agropecuária, prestação de serviços e de toda a população, entendendo que o movimento é legítimo e justo, a AMZOP, decide:
-1º DECLARAR apoio total e irrestrito ao movimento dos caminhoneiros;
-2º SOLIDÁRIA a este setor importante da economia brasileira, as Prefeituras Municipais da nossa região, estarão com as portas fechadas na próxima sexta-feira, dia 25 de maio de 2018.

 

SEBERI/RS, SEDE DA AMZOP,
EM 23 DE MAIO DE 2018.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *