Ocorrência de cédulas falsas no comércio de Seberi

Na manhã de hoje (12) foi comunicado à Rádio Seberi a ocorrência de que um estabelecimento local foi lesado com o recebimento de cédulas falsas.

No intuito de alerta aos demais empresários seberienses o comerciante trouxe às notas até a emissora onde relatou a ocorrência.

A falsificação de dinheiro é crime previsto no Código Penal, com pena que varia de 3 a 12 anos de prisão.

Quem tenta colocar uma cédula falsa em circulação depois de tomar conhecimento da sua falsidade, mesmo que a tenha recebido de boa-fé, pode ser condenado a uma pena de 6 meses a 2 anos de detenção.

Muitos pessoas porém não sabem como proceder em caso de recebimento de notas falsas.

  • Se o dinheiro suspeito for sacado no caixa eletrônico ou caixa 24 horas, as cédulas devem ser entregues em qualquer agência do qual a pessoa seja correntista e o banco é obrigado a trocar o dinheiro. Isso também vale para os aposentados que não têm conta em banco e sacaram as cédulas suspeitas;
  • Se o cidadão receber dinheiro falso em outras operações, como em compras e vendas no comércio, a recomendação é entregar as cédulas em qualquer banco. Nesse caso, a agência vai registrar os dados pessoais do cidadão, como nome e CPF, e as cédulas serão enviadas em até 45 dias para o Banco Central, que vai analisar o dinheiro em até 20 dias depois de receber o dinheiro;
  • Se ficar comprovado que ele é legítimo, a pessoa será reembolsada e o dinheiro será creditado na conta corrente. Caso contrário, não há ressarcimento.

Para saber se o dinheiro é irregular, o Banco Central também indica algumas medidas:

  • Observar a marca d’água segurando a cédula contra a luz e olhar pela frente da nota e observar na área clara as figuras que representam os animais.
  • Ao sentir o alto-relevo, você percebe a diferença de tato em algumas áreas da nota, como no numeral do canto inferior esquerdo e nas extremidades laterais da nota.
  • Sempre que possível, comparar a cédula suspeita com outra que se tenha certeza ser verdadeira.

Fique Atento:

Caso receba uma cédula suspeita em um caixa eletrônico, comunique o fato rapidamente ao banco em que você sacou o dinheiro. Se necessário, dirija-se a uma Delegacia de Polícia para registrar ocorrência.

 

*Mariane Dakan – Dpto Jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *