Agência Bancária é assaltada em Sagrada Família

Pelo menos quatro homens armados invadiram a casa da família do gerente do Sicredi de Sagrada Família, e os fez refém antes de assaltar a agência do município. O começo da ação dos criminosos foi na noite de quinta-feira, 03. Na manhã desta sexta, 04, o gerente foi levado até o estabelecimento e teve de abrir o cofre. Antes de fugirem, os assaltantes amarraram explosivos no corpo dele.

Conforme a delegada Aline Dequi Palma, a central de monitoramento do banco acionou a Polícia Civil. Por volta do meio-dia, o gerente seguia dentro da agência. Junto aos explosivos, ainda de acordo com informações recebidas pela polícia, há uma fiação ligada a um aparelho celular.

Os criminosos fugiram em um carro do banco, que foi encontrado mais tarde, abandonado em uma lavoura de soja na região.

A área onde fica a agência foi isolada. O Grupo de Ações Táticas Especiais da Brigada Militar foi acionado para liberar o gerente dos artefatos. A família do gerente, segundo a delegada, está bem. Eles foram feitos reféns durante cerca de 10 horas.

Em boletim divulgado à imprensa, o 39º Batalhão de Polícia Militar (39º BPM) de Palmeira das Missões atualizou às 13h22 informações. Além de uma espingarda calibre .12 levada da casa da vítima, os ladrões ainda fugiram com um Volkswagen/Gol pertencente ao banco, carro encontrado abandonado nas proximidades da comunidade de Esquina Gaúcha.

Policiais militares seguem as buscas pela região em busca dos assaltantes. Como é necessário emprego de pessoas especializadas para desativar explosivos, o Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Brigada Militar foi acionado para retirar o artefato amarrado no corpo do gerente.

 

 

 

 

 

*Informações G1 e Folha do Noroeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *