Prefeito de Planalto é detido por posse irregular de arma de fogo

A Brigada Militar, em apoio ao Grupo de Operações Especiais de Combate ao Crime Organizado – Gaeco, órgão do Ministério Público, cumpriu na manhã hoje,  mandado de busca e apreensão no gabinete da Prefeitura Municipal de Planalto, bem como, na residência e em um sítio de propriedade do Prefeito Antonio Carlos Damin. As buscas foram cumpridas em uma investigação do Ministério Público por estupro de vulnerável, onde  conforme as investigações, o prefeito, teria oferecido R$ 1 mil para uma garota de 13 anos ter relações sexuais com ele.

Durante as buscas, foram localizadas duas armas de fogo, sendo 01 pistola calibre 38 e 01 espingarda calibre 36 e também celular e computador, que foram apreendidos pelo Ministério Público. O Prefeito foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para registro por posse irregular de arma de fogo, e acabou liberado após o pagamento de fiança de R$ 2 mil.

Acompanhe trecho da coletiva de Imprensa no player abaixo, onde o prefeito dá sua versão dos fatos e fala sobre as armas que foram apreendidas pela polícia:

 

 

 

Foto: O Alto Uruguai

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *