O interior da caminhonete que a contadora Sandra Mara Lovis Trentin, 48 anos, usou para ir até Palmeira das Missões estava revirado, contou o filho mais velho da moradora de Boa Vista das Missões, Rômulo Antônio Trentin Kohler, 26 anos.

Além dele, Sandra tem mais três filhas: uma de 16 anos, outra de 11 e a caçula de 5. O rapaz relatou que a mãe – que é casada com o presidente da Câmara de Vereadores de Boa Vista das Missões, Paulo Landfeldt – ia com frequência à cidade vizinha em razão do trabalho e que no dia em que ela desapareceu, 30 de janeiro, foi vista pela última vez na Junta Comercial entre 8h15 e 8h30. A Ford/Ranger ficou estacionada no Centro de Palmeira das Missões, perto do 35 CTG, e não tinha sinais de violência. “Encontramos a caminhonete dela toda revirada. Uma das sapatilhas que ela usava para dirigir estava na parte de trás e outra na frente. A bolsa, dinheiro e os dois chips de telefone dela também, mas o aparelho não. A gente não sabe mais o que pensar ou fazer. A angústia é grande”, desabafou Rômulo.

Imagens de câmeras de segurança mostram o veículo passando por ruas de Palmeira das Missões. A delegada de Polícia Civil que está coordenando as investigações, Cristiane Van Riel, disse que não descarta nenhuma hipótese, pois até o momento, não existe certeza sobre o que aconteceu com a contadora. “Estamos fazendo várias diligências, ouvindo pessoas, mas não temos certeza do que aconteceu com ela. Em relação ao sequestro [uma das possibilidades levantadas no dia em que Sandra sumiu], não foi feito nenhum contato até agora com a família ou a polícia”, comentou.

Informações que possam ajudar a polícia podem ser repassadas pelos telefones (55) 98416-2699, (55) 3742-1180 ou (55) 3742-1047.

Fonte: Cristiane Luza – Jornal Folha do Noroeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *